Favela Mundo abre inscrições para oficina de maquiagem social

Por Tássia di carvalho – colaboração

Publicado em 06 de Março de 2017

Em meio à crise econômica, empreender é a solução para muita gente, pensando nisso, o Projeto Favela Mundo abre 30 vagas para oficinas de maquiagem social. As aulas, que durarão quatro semanas têm como objetivo capacitar as alunas para trabalharem com casamentos, festas e cerimônias sociais além de desenvolver técnicas de auto maquiagem para dia e noite. O projeto é patrocinado pelo MetrôRio, Prefeitura do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura e conta com apoio do Instituto Invepar.​

A oficina tem como público-alvo mulheres a partir de 15 anos. “A maioria das alunas são mães ou irmãs de alunos do projeto regular, que atende crianças e adolescentes de seis a 18 anos. Vimos que elas queriam aprender uma profissão, melhorar a renda familiar ou até mesmo empreender”, conta Marcelo Andriotti, diretor da ONG Favela Mundo, homônima ao projeto. “Nosso maior objetivo é capacitar jovens e adultos dessa região tão carente de projetos sociais e de boas oportunidades de crescimento profissional. Vimos também a necessidade de trabalhar a autoestima e o empoderamento feminino, e o curso de maquiagem é excelente para que as alunas redescubram seu potencial e se valorizem cada dia mais”, afirma. “Queremos fomentar o empreendedorismo social, a formação de cooperativas e fazer com que, mesmo na crise, elas possam ter formas de ganhar dinheiro sem depender das vagas formais nas empresas, cada vez mais escassas”, diz Marcelo.​

Além das oficinas de capacitação do Projeto Favela Mundo, a ONG também tem as do A Arte Gerando Renda – ambos ensinam uma nova profissão e promovem o protagonismo feminino – sendo que a segunda já capacitou mais de 500 jovens e adultos, como Rosângela Pereira, que aprimorou suas técnicas de maquiagem artística na oficina que aconteceu na Maré, em 2015. “Ano passado coordenei uma equipe com mais de 20 maquiadores no desfile da Mangueira, ganhamos seis prêmios”, conta. “O curso me ajudou muito a ampliar minha visão, aprender novas técnicas, melhorei muito após as aulas”, diz Rosângela, que este ano maquiará além dos foliões da Mangueira, os da Beija-Flor e da Imperatriz Leopoldinense.

Sobre o Favela Mundo​

O projeto fica em média um ano em cada comunidade, despertando o interesse dos alunos pela cultura, incentivando que continuem seus estudos nas escolas regulares, demonstrando a importância do desenvolvimento pessoal para o crescimento sadio.​

A Favela Mundo e seus projetos são referência para a Organização das Nações Unidas, ONU, onde foi reconhecida como modelo de excelência em inclusão social nas grandes cidades (World Cities Day 2014). A entidade participou de vários eventos e encontros realizados ou apoiados pela ONU, o mais recente foi em agosto de 2016, no Marrocos, durante o NAIMUN – maior conferência mundial sobre terceiro setor. Foram 200 representantes de 30 países, e a Favela Mundo foi a única ONG brasileira participando do encontro, além disso, também representou o Brasil em eventos no México, Cuba e Estados Unidos.

Sobre Marcelo Andriotti​

Criador e diretor da Favela Mundo. É ator e arte-educador da rede pública carioca, formado em Artes Cênicas pela UniRio (Interpretação e Licenciatura). Representou o Brasil, como convidado, em eventos culturais e pedagógicos, apresentando a ONG Favela Mundo no Marrocos, Cuba, no México e Estados Unidos, onde recebeu o aval das Organização das Nações Unidas, ONU, para a Favela Mundo.

Serviço

Favela Mundo oferece 30 vagas para oficinas de maquiagem. Aulas de 14 de março a 4 de abril.

Público: Jovens e adultos a partir de 15 anos.

Documentação para matrícula: cópia da identidade, CPF e comprovante de residência.

Local: Escola Municipal Marechal Estevão Leite de Carvalho (Av. Pastor Martin Luther King Jr 3217, Engenho da Rainha).
Informações: 2236-4129 ou no local.

www.favelamundo.org.br

 

: FAVELA MUNDO ABRE VAGAS PARA OFICINA RÁPIDA DE MAQUIAGEM SOCIAL
Arrow
Arrow
Foto: Ilan Pellenberg
ArrowArrow
Slider