Fundação Aury Luiz Bodanese e Aurora Alimentos premia ações voluntárias de destaque

Isabel Machado, presidente da Fundação Aury Luiz Bodanese. Foto: Marcos Bedin

Por Marcos Bedin- SC

Desenvolver ações voluntárias está no DNA da Cooperativa Central Aurora Alimentos e da Fundação Aury Luiz Bodanese (FALB). Os funcionários são frequentemente motivados a atuar como voluntários em diferentes atividades em prol da comunidade. Como maneira de reconhecer e socializar essas boas práticas desenvolvidas durante o ano, a FALB promove no dia vinte e dois (22) de novembro- quarta-feira- o Prêmio Destaques 2017. O evento está programado para iniciar às 8h30 horas na sede social da Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapecó e as premiações serão a partir das 15 horas.

O prêmio é dividido em categorias. Na “Unidade Destaque” foram 18 inscrições e 14 como “Voluntário Destaque”. As “Paródias do Programa Vivendo Saúde” tiveram 17 inscrições. Na categoria “Escola Cidadã” totalizou-se 64 inscrições. Destas 31 escolas são de Santa Catarina, 27 do Rio Grande do Sul e seis de outros Estados. Este ano as escolas também apresentarão poesias do Programa Roda de Leitura. Serão 12 de Santa Catarina, nove do Rio Grande do Sul e três dos demais Estados.

A presidente da Fundação Aury Luiz Bodanese, Isabel Cristina Machado, explica que este é um momento para valorização dos trabalhos voluntários desenvolvidos pelos trabalhadores das unidades da Aurora Alimentos e também por meio dos programas da FALB nas escolas. “Nós respiramos o cooperativismo e cooperar é unir forças em favor de bens maiores. Cada um dos projetos inscritos nos mostra o comprometimento dos nossos voluntários e isso nos motiva a desenvolver cada vez mais iniciativas que promovam transformações”.

Joanita Schultz Steinmetz, analista de Relacionamento Coorporativo da Unimed Chapecó é uma das juradas do Prêmio Destaques 2017. Segundo ela, foi possível observar que os projetos foram desenvolvidos com o desejo de fazer a diferença e melhorar de alguma maneira a vida das pessoas atendidas. “É difícil optar por um apenas, pois todos se envolveram com carinho, força e destreza. Buscaram envolver a comunidade e alguns se destacaram pela dedicação em ensinar a população em como fazer acontecer”, destaca.

Joanita salienta a importância do trabalho voluntário. “Ser voluntário é uma atitude de cidadania, onde praticamos o bem a nós mesmos e ao próximo. Pequenos gestos tornam-se grandes, transformam as pessoas, o espaço que nos cerca, nossa escola, nossa casa, a cidade. Mudam o mundo. Voluntário é sinônimo de amor, respeito, solidariedade, justiça e dedicação. Ser voluntário é ser a semente do bem. A Aurora e a FALB estão de parabéns pela honrosa iniciativa de reconhecimento dos voluntários e os trabalhos desenvolvidos. Isso os incentiva ainda mais a continuar as belas ações e também inspira a sociedade a se doar também. É uma honra poder conhecer estes projetos”, complementa.

Voluntário e unidade destaque

O prêmio “Voluntário Destaque” reconhece o trabalho voluntário, com a divulgação de exemplos e ações criativas que podem ser multiplicadas em outros espaços, fortalecendo a cultura do voluntariado nos diversos segmentos da comunidade.

Na premiação da “Unidade Destaque” o objetivo é demonstrar a força do trabalho em equipe e o resultado quando os vários segmentos da comunidade se unem, como voluntários, empresas, escolas, organizações sociais e beneficiárias. Todas as unidades inscritas receberão certificado. A iniciativa integra o programa Amigo Energia.

Escola cidadã

O prêmio “Escola Cidadã” valoriza os projetos socioambientais desenvolvidos por instituições de ensino visitadas pelo programa A Turminha da Reciclagem, em 2017. O intuito é estimular as escolas a investirem na conscientização ambiental, fazendo com que os alunos sejam parceiros nas tarefas desenvolvidas no dia a dia.

O programa “A Turminha da Reciclagem” visa conscientizar as crianças e a população sobre a importância de cuidar do meio ambiente, de fazer a reciclagem do lixo, o reaproveitamento de materiais recicláveis e da preservação dos recursos naturais.

A poesia tem como objetivo incentivar alunos e professores a leitura e a capacidade de memorizar. O programa “Roda de Leitura” visa proporcionar momentos de descontração e socialização, contribuindo para o desenvolvimento da linguagem oral e escrita dos ouvintes, através da leitura e contação de histórias.

Vivendo saúde

A premiação da paródia do programa Vivendo Saúde objetiva a valorização de talentos identificados por meio das temáticas do programa abordadas durante a gincana da prevenção nas unidades. Entre os critérios para selecionar o vencedor estão a ênfase na saúde e qualidade de vida, criatividade, uso da temática, comprometimento da equipe e originalidade.

Deixe uma resposta