Goleiro do Vasco é assaltado e agredido no Rio

O terceiro goleiro do Vasco da Gama, Gabriel Félix,  foi mais uma vítima da violência que assola a cidade Maravilhosa.

O jovem goleiro de 22 anos relatou que foi agredido e que teve  três dentes quebrados, além de ter pertences levados. Ele diz que via a morte de frente e agradece ao clube pelo apoio dado a ele nesse momento tão difícil.

Confira o Relato

” Ontem tive a pior sensação da minha vida, pra ser mais sincero eu “vi a morte de frente.” 4 bandidos onde 3 desceram armados com pistolas e nos abordaram, um desses bandidos colocou a pistola na minha cabeça e foi aí que eu “vi a morte de frente”, logo não reagi e falei “perdi, pode levar o que quiser.” O marginal mandou eu deitar no chão e desferiu um chute na lateral da do meu rosto onde eu quebrei 2 dentes, roubou meu celular e alguns pertences. Não satisfeito no final deu outro chute na minha cabeça onde eu quebrei outro dente e tive um pequeno corte no queixo. Mas o que mais me dói, entristece e a sensação de impotência, de covardia. Por fim agradeço a Deus por ter me dado esse livramento, quero agradecer ao Vasco por todo o suporte que me deu, os meus empresários, também agradecer os amigos que diante mão me ajudaram e por ultimo mais não menos importante a minha família por todo amor e carinho.

Deixe uma resposta