Prefeito se reúne com comerciantes de Madureira e anuncia melhorias

Os moradores de Madureira, especialmente os comerciantes locais, receberam boas notícias na manhã desta sexta-feira (26/05). Além de melhorias na Estrada do Portela, uma das vias de maior circulação de pedestres e veículos, os lojistas e frequentadores do Mercadão de Madureira ganharão um estacionamento, cujo projeto será divulgado em breve. Como forma de padronizar o comércio ambulante local e garantir o ordenamento urbano nas ruas do bairro, as barraquinhas dos camelôs ganharão formato vertical. As novidades foram anunciadas, na manhã de hoje, pelo prefeito Marcelo Crivella dPrefeito se reúne com comerciantes de Madureira e anuncia melhoriasurante reunião com comerciantes do Mercadão de Madureira e entorno.

No encontro, realizado no auditório da Universidade Estácio de Sá, no Madureira Shopping, o prefeito também ouviu reclamações e sugestões dos lojistas e se comprometeu a estudar cada solicitação:

– Estamos conseguindo resolver a questão dos camelôs, uma das reclamações dos lojistas. Estudos foram feitos para que as mesas dos ambulantes não atrapalhem mais e, agora, os equipamentos serão verticalizados, com prateleiras. Também fizemos um aperfeiçoamento no material para que a parte de trás do painel seja usada para propagandas e que, com isso, o camelô possa ter uma renda a mais. Quem sabe o comércio local não faça propagandas ali e que todos possam trabalhar em harmonia? Nosso compromisso é governar para todos, especialmente para aqueles que vivem nas zonas Norte e Oeste da cidade. Tivemos que cortar despesas, mas as coisas vão acontecer, tão logo seja possível.

Sobre o estacionamento que beneficiará os comerciantes do Mercadão de Madureira e frequentadores do estabelecimento, Crivella disse que já existem empresas interessadas em participar do projeto:- Já fizemos o PMI, que é o Processo de Manifestação de Interesse, e algumas empresas já se mostraram interessadas em fazer esse estacionamento. Em breve, estarei aqui de novo para apresentar esse projeto. É uma obra simples, que vai sair rápido e beneficiar muita gente.

O presidente da Associação do Grande Mercado de Madureira, Pedro Silva da Conceição, mais conhecido como Pedrinho, agradeceu ao prefeito pela construção do estacionamento, afirmando que esse era um sonho antigo dos comerciantes do Mercadão. Como forma de retribuir a atenção da prefeitura, os comerciantes concordaram em doar parte das mesas verticais dos ambulantes:

– Vamos ajudar e participar desse projeto para que ele dê certo. A função do Mercadão é agregar. Podem contar com a gente. Seremos um parceiro para o que for preciso.

Entre as muitas solicitações recebidas pelo prefeito, uma delas foi sobre o aumento de agentes da Guarda Municipal nas ruas. Segundo eles, por mais que se esforcem muito, os guardas não conseguem dar conta do grande número de vias. Muitos questionaram o motivo de aprovados no concurso da corporação não terem sido chamados ainda. Crivella fez questão de esclarecer a questão:

– No governo passado, tivemos Olimpíadas e, com elas, muitas obras. As prioridades foram outras e, com essas despesas, optou-se por não convocar os guardas aprovados. Pensamos em convocar 60 agentes, a princípio, mas não pudemos. Temos a Lei de Responsabilidade Fiscal que limita o nosso gasto. Precisamos aumentar a receita para que possamos aumentar os gastos. Vamos arrumar isso e estamos aqui para resolver.

O prefeito também afirmou que pretende firmar parcerias com a iniciativa privada para atender as comunidades carentes da região.

– Por conta dos gastos do governo passado, cortar despesa foi fundamental para que conseguíssemos cuidar das pessoas, olhando especialmente para a saúde e a educação. Madureira cresceu e se modernizou, mas ainda existem pessoas aqui que levam uma vida muito humilde e recebem muito pouco em serviços públicos. Estamos fazendo parcerias com a iniciativa privada para que as comunidades locais sejam atendidas, tal como estamos fazendo em Rio das Pedras – explicou Crivella.

Organizadora da Parada LGBT de Madureira, Loren Alexander, falou sobre os projetos que realiza junto às comunidades da região, incluindo palestras sobre doenças sexualmente transmissíveis e cursos de capacitação profissional, e solicitou o apoio da prefeitura nessas ações.- Tenho procurado na prefeitura fazer com que não haja qualquer tipo de preconceito, seja de que tipo for. O Museu do Amanhã, por exemplo, conta hoje com pessoas trans do Projeto Damas em seu quadro de funcionários, trabalhando como recepcionistas – respondeu o prefeito, que solicitou aos secretários presentes ao encontro que auxiliem o grupo em seus projetos.

Participaram do encontro desta sexta-feira os secretários municipais de Ordem Pública, Paulo Amendola, de Conservação e Meio Ambiente, Rubens Teixeira, e de Cultura, Nilcemar Nogueira; o superintendente regional de Madureira, Julio Vargas; e o presidente da Associação Comercial do bairro, Horácio Afonso, além de vereadores.

– Agradeço ao prefeito, que já começou a ordenar o comércio. Na porta do Mercadão já é possível ver uma organização. Temos uma prefeitura comprometida com a gente e agradeço muito por isso. O trabalho não será fácil, mas vamos conseguir – disse Horácio.

Na plateia, comerciantes locais satisfeitos após a reunião com o prefeito. Entre eles, Maria Helena Abreu Doerr, de 50 anos, dona de uma loja de artigos de confeitaria no Mercadão de Madureira. Ela ressaltou a importância desse diálogo com o poder público para que as solicitações sejam ouvidas e as melhorias aconteçam.

– Esse encontro marca o início de um diálogo fundamental para ambas as partes. É uma oportunidade de ver as solicitações serem ouvidas por aquele que tem o poder de resolver. Com isso, acredito que as solicitações serão atendidas de forma muito mais rápida.

Fonte: Prefeitura do Rio