Prefeitura estimula carioca a fazer turismo em sua própria cidade

Foto: Alexandre Macieira | Riotur

A Riotur lançou, este mês, a terceira fase da campanha de comunicação visual de fomento ao turismo. Voltada a incentivar o carioca a ser um
turista dentro da própria cidade, a nova ação pode ser vista nos
principais pontos turísticos do Rio. “Faça Turismo no Rio”, “Viva o Rio” e
“Viva a cidade” são os slogans impressos em imagens icônicas como o Cristo
Redentor, Maracanã, Ipanema e Floresta da Tijuca, entre outros. A meta é
que, ao estimular o morador a visitar mais os pontos turísticos, haja um
fortalecimento da economia, já que a cidade conta com 6,5 milhões de
habitantes.

Além disso, destaca-se a questão da geração de emprego. Somente no
Réveillon passado, que caiu em um fim de semana (apenas dois dias de pico
de movimentação), a economia da cidade foi impactada em US$ 691 milhões
com a vinda de 865 mil turistas.

– Queremos incentivar o carioca a conhecer melhor a própria cidade.
Quantos moradores daqui ainda não conhecem o AquaRio? Quantos ainda não
visitaram o Cristo Redentor? Nossa ideia é instigar o carioca a ver de
perto a beleza e as riquezas próximas da sua casa. Esta é uma forma também
de fazer os moradores se apaixonarem ainda mais pelo Rio. Sem falar no
desejo nosso de usar a criatividade para movimentar a economia do
município – explicou o presidente da Riotur, Marcelo Alves.

Desde o começo da gestão Marcelo Crivella, a Riotur trabalha com um plano
de marketing com foco em uma enorme comunicação dentro da própria cidade,
mostrando a importância de se tratar bem o turista. Às vésperas do
Carnaval, os principais acessos turísticos da cidade receberam galhardetes
com as inscrições “Carioca, abrace um turista” e “Carioca, receba bem o
turista”.

– A Riotur será incansável em ações de fomento ao turismo. Vamos valorizar
o povo carioca pela sua hospitalidade. Nosso povo é alegre, é carismático,
é um bom anfitrião. Se o turista for bem tratado, ele volta. E não volta
sozinho – completou Alves.

Com o tema “O maior cartão-postal do Rio é o carioca”, a segunda fase da
campanha apresentou, em maio, personagens identificados com a cidade,
representando diferentes setores de serviços e da cadeia produtiva do
turismo, como o gari Renato Sorriso; a inspetora da Guarda Municipal,
Tatiana Mendes; o taxista e mestre de bateria da Unidos da Tijuca,
Casagrande; o porteiro há 40 anos do Copacabana Palace, Cafú; além de um
garçom e uma camareira que há décadas atendem com o encantamento do
carioca os nossos turistas. A primeira fase da campanha, “Vem para o Rio”,
foi lançada pela Riotur em março deste ano.

Pesquisas feitas com turistas revelaram que a volta deles para a cidade se
deve muito à forma como são bem recebidos pelo carioca e a associação
imediata entre o clima descontraído do Rio e a simpatia do seu povo.